Doação
Cuidados Pós Doação

1. Antes de deixar o banco de sangue, permaneça sentado por, pelo menos, 15 minutos. Coma e beba o lanche oferecido.

2. Tome quantidades extras de líquidos nas primeiras 24 horas após a doação. Isto ajudará na reposição do volume perdido durante a doação. Esta medida é particularmente importante nas primeiras 4 horas após a doação.

3. Evite esforço e exercícios físicos extenuantes por 12 horas. Esta conduta previne sangramentos e ajuda na cicatrização do local onde a agulha foi colocada. Também permite que seu corpo se ajuste à perda de volume ocorrida na doação.

4. Mantenha o curativo no local da agulha por, no mínimo, 4 horas. Se você notar que voltou a sangrar, aplique uma pressão sobre o local por 2-5 minutos e então troque a curativo, mantendo-o por mais 4 horas.

5. Se após deixar o banco de sangue, você sentir mal-estar, tontura, fraqueza e sensação de que vai desmaiar, sente-se em qualquer local e coloque a cabeça entre os joelhos ou então, deite imediatamente no chão com as pernas elevadas. Estas medidas evitam quedas da própria altura e aumentam a circulação de sangue na cabeça, aliviando rapidamente os sintomas.

6. Na ocorrência de febre, diarréia ou outro sintoma de doença infecciosa até sete dias após a doação, comunicar imediatamente ao banco de sangue pelos fones (51) 3748-0442 ou (51) 3011-6405.


7. Não ingerir bebidas alcoólicas por 12h.

8. Evitar dobrar o braço puncionado por cerca de 30 minutos e não carregar peso.

9. Aumentar a ingestão de líquidos, a fim de ajudar na reposição do volume doado.

10. Não fumar por 02 horas.

11. Se for dirigir veículo automotor ou ser transportado em motocicleta, parar imediatamente o veículo em caso de mal-estar.

12. Se você acha que existe uma razão pela qual o seu sangue não deve ser utilizado para transfusão e você não pode ou não quis dizer isto durante a doação, entre em contato o mais breve possível e solicite que seu sangue seja descartado. O descarte será totalmente confidencial. Isto é de grande importância para a segurança da transfusão do sangue que você doou e dos pacientes que recebem seu sangue.

Reações adversas

Em geral a doação traz poucos riscos para o doador. Mas, em casos eventuais, o doador pode apresentar reações adversas, tais como:
• Queda passageira de pressão arterial
• Hematoma no local da punção
• Náusea
Em caso de dúvidas, entre em contato conosco

Você também poderá nos telefonar se: 
• apresentar algum sintoma ou sinal que julgue ser decorrente da doação
• quiser nos dar alguma informação adicional que não pode ou não quis dar durante a entrevista, no dia da doação.